23 de setembro de 2013

Mulher tem moto roubada em Cubati e Policial Militar diz que a culpa é do governador.

A denúncia foi feita por Marinete Vasconcelos dos Santos no programa jornalístico TRIBUNA LIVRE pela 89,1 FM Cuité neste sábado.

CUITÉ –  PB: Marinete Vasconcelos dos Santos , residente no sítio Água Doce, município de Olivedos, Seridó paraibano, teve uma motocicleta furtada na feira de Cubati, neste sábado (21).

A moto, cuja placa é CG–003(placa amarela), é uma 125 cilindradas, da marca Honda, cor vermelha e modelo 1994.

Ao perceber que o sua ciclomotor havia sido furtado, Marinete procurou a Polícia Militar da cidade para prestar queixa.

No entanto, apesar de haver 6 policiais de plantão, nenhuma providência teria sido tomada.

Pelo contrário, um policial disse que não podia fazer nada pela agricultora que teve a moto furtada, pois que isso era da competência da Polícia Civil e não da PM.

A mulher disse que os policiais não pediram sequer os documentos da moto nem a placa.

Além disso, um policial disse que a culpa da violência na Paraíba, era do governador, Ricardo Coutinho (PSB), que não investia na PC.

“Furtaram a minha moto em Cubati, na feira e, quando fui denunciar à PM, havia 6 policiais de plantão, mas nem na minha cara eles olharam. De mau grado, disseram que não podiam fazer absolutamente nada, pois era competência da PC registrar queixa. Não me pediram o documento da moto nem o número da placa. Um policial disse que a culpa era do governador e disse ainda que, seu eu fosse denunciar a Ricardo, podia dizer que quem tinha dito era o policial ‘Sousa’”, disse Marinete por telefone ao programa jrnalístico TRIBUNA LIVRE, transmitido pela 89,1 FM Cuité.


Arquivo do blog