9 de setembro de 2013

MACONHA E CACHAÇA SÃO APREENDIDAS NA CADEIA PÚBLICA DE CUITÉ


Os agentes penitenciários da Cadeia Pública de Cuité apreenderam 300 gramas de maconha e três depósitos de cachaça artesanal na manhã desta segunda-feira (09) após uma operação ‘pente-fino’.

Segundo o chefe de disciplina da unidade prisional, Jurandir Nascimento, os agentes localizaram a cachaça depois de várias brigas entre os detentos com sinais de embriaguez, já a maconha teria sido jogada por cima do muro no horário do banho de sol. Os responsáveis pelas drogas não foram identificados.

Jurandir ainda destacou, em entrevista a 89 FM – Rádio Cidade de Cuité, a superlotação da cadeia, segundo ele, a mesma tem estrutura para comportar 25 detentos, porém está acomodando 76, desses, 46 são em regime fechado. Dentre os presos estão homicidas e estupradores que deveriam estar cumprindo a pena em presídios de segurança máxima.


Além da superlotação, a casa de detenção ainda enfrenta sérios problemas de infraestrutura, a cerca elétrica está em estado precário, a fossa está prestes a desabar e as paredes estão com muitas infiltrações.


Após a apreensão, a maconha e a cachaça foram encaminhadas para a Delegacia Civil de Cuité onde foi apresentada a autoridade policial para serem tomadas as medidas cabíveis.

Confira a entrevista do chefe de disciplina da unidade prisional, Jurandir Nascimento, cedida ao repórter Flávio Fernandes.


Flávio Fernandes

Arquivo do blog