3 de maio de 2013

CANO ESTOURADO EM CUITÉ VIRA ROTINA; CAGEPA DIZ QUE FALTAM FUNCIONÁRIOS



Um cano estourado no cruzamento das ruas Francisco Patrício e Ministro José Américo de Almeida em Cuité têm virado rotina na vida dos que transitam naquele trecho, segundo alguns moradores, sempre que a Cagepa concerta o cano volta a quebrar.


De acordo com o aposentado José Bernardo, morador da rua, o problema é antigo. “Este problema é antigo, esse cano sempre quebra, eu acho que o problema é a encanação velha e o grande trânsito de veículos nesta rua, na minha opinião a solução seria trocar a encanação da rua”, ressaltou o aposentado.

Com o problema, milhares de litros de água são desperdiçados diariamente, o diretor local da Cagepa ao ser procurado para falar sobre o problema declarou que o problema se deve ao déficit de funcionários na unidade local, segundo ele, a equipe que antes contava com três funcionários hoje só tem um, o único funcionário faz leitura, entrega notificação de corte, realiza corte, instalação e manutenção na rede.

Mesmo com a falta de funcionários o diretor informou que já tomou conhecimento do problema da Rua Francisco Patrício e que em breve o mesmo será resolvido.

Flávio Fernandes

Arquivo do blog