26 de abril de 2012

GirasSÓis em pé de guerra


Helder Moura
Os girassóis estão em pé de guerra, como nunca estiveram. Após o retorno do governador Ricardo Coutinho, da Índia, já aconteceu de tudo dentro do coletivo laranja, e muitos estão virando suco bem mais rápido do que o esperado. As divergências estão afloradas.
O vereador Bira e assessores, por exemplo, já perderam as contas dos aliados que foram afastados do Governo nos últimos tempos. Todos defenestrados, por causa de suas posições dúbias em relação à candidatura da secretária Estelizabel Bezerra. Algo inaceitável para o chefe-mor Ricardo.
No último dia 3, vários aliados do secretário Dunga Júnior, na região do Cariri, foram decapitados, por causa de suas posições favoráveis à reeleição do prefeito Luciano Agra. O PTB, como se sabe, apoia a candidatura do secretário Nonato Bandeira.
E veio o entrevero de maior dimensão, quando o presidente do PSB, Ronaldo Barbosa, afirmou que, se o prefeito Agra quiser voltar a ser candidato, não terá legenda do partido. Agra, revoltado, mandou guilhotinar Barbosa da Secretaria de Articulação Política.
O ex secretário de Educação, Afonso Scocuglia, alertado que o governador estava muito insatisfeito com seu trabalho na Educação, cuidou de se escafeder. Não, sem antes, confidenciar seu desgosto, pois todas as decisões amargas que tomou foram ordens de RC.
Já o secretário Waldson de Sousa, o mais aproximado clone de Ricardo, se fortaleceu momentaneamente na Saúde. 

HTTP://WWW.JORNALDAPARAIBA.COM.BR/POLEMICAPB/2012/04/04/GIRASSOIS-EM-PE-DE-GUERRA/#MORE-35693

Arquivo do blog