14 de novembro de 2011

Cisternas calçadão ajudam famílias cuiteenses a ampliar a produção agricola




Uma alternativa simples e barata, chamada de “cisterna calçadão”.

Esta semana, a prefeita de Cuité, Euda Fabiana, e o secretário de Infraestrutura, Bado Venâncio, foram em algumas áreas onde estão sendo construídas as cisternas calçadão. São 30 cisternas, sendo 15 na Serra do Bombocadinho e 15 nas Muralhas.




Segundo seu José, morador da zona rural, “pra trazer água  antigamente durante o verão, só se fosse em lombo de jumento, mas agora não tem verão que impate da gente plantar”.






A construção dessas cisternas, é resultado de uma articulação e parceria entre ASA (Articulação no Semi-Árido Brasileiro),  STRC (Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cuité), Prefeitura de Cuité,  e MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário).

Como Funcionam as Cisternas Calcadão? 
A área pavimentada faz a captação de chuva, que acumula a água e depois joga em um reservatório, para mais tarde, na época de pouca chuva, a população regar mudas de verduras ou dar água para animais.



A iniciativa objetiva melhorar a segurança alimentar das famílias do município, além de gerar emprego e renda a partir do manejo da terra e da água, onde as famílias produzem para o próprio consumo e comercialização através do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) e do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escola), fortalecendo assim a Agricultura Familiar. 


Arquivo do blog