28 de julho de 2011

28 de julho – Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais



O dia 28 de julho foi definido como a data do Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, pela Assembléia Mundial da Organização das Nações Unidas. Essa data é uma oportunidade de sensibilizar a população sobre a importância deste agravo no Brasil.        
As hepatites B e C são infecções do fígado causadas por vírus. Esses vírus atacam o fígado, que fica do lado direito, abaixo das costelas. Milhões de pessoas no Brasil podem ser portadoras desses vírus e não sabem.

Como se pega?
As hepatites B e C são transmitidas pelo sangue, sendo que a hepatite B é uma doença sexualmente transmissível e muito fácil de pegar.

Quais os sintomas e evolução da doença?
Nem sempre os sintomas das hepatites B e C aparecem. Os primeiros sintomas, quando aparecem, podem ser:
- Tontura
- Enjôo
- Febre
- Cansaço 
- Dor na região do fígado
- Pele e olhos amarelados
- Urina escura
- Fezes claras
    Só com exames de sangue bem detalhados é possível saber se a pessoa está ou não com hepatite.
    As hepatites B e C podem ficar graves e evoluir para cirrose e câncer de fígado. Existe tratamento e é indicado em alguns casos.

    Existe vacina?
    Para hepatite B tem vacina. Pra ficar protegido é preciso tomar três doses.
    A vacina é oferecida na rede básica de saúde para pessoas até 19 anos e também para aquelas com maior risco de contrair o vírus, como profissionais do sexo, profissionais de saúde, usuários de drogas, hemofílicos, pacientes que fazem hemodiálise, portadores do vírus da hepatite C e portares do HIV. Para a hepatite C não existe vacina.

    É preciso ficar atento e se prevenir!
    Para teste e vacina, informe-se nos serviços de saúde.


    Você sabia?

    A Hepatite B é uma doença que pode ser evitada com vacina.
    A primeira dose da vacina contra a hepatite B deve ser aplicada nas primeiras 12 horas de vida da criança, a segunda dose no 2º mês, e a terceira dose aos seis meses de idade. Nos demais casos, a vacina é administrada em 03 doses da seguinte forma: 30 dias e 06 meses.
    Todas as crianças e adolescentes até 19 anos devem receber o esquema de três doses da vacina contra hepatite B na rede básica de saúde.
    Devem lembrar que são necessárias as três doses para proteção contra a doença.
    Em caso de qualquer dúvida, procure uma Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa, e leve a carteira de vacina para saber da necessidade de atualização do esquema vacinal.


    Fonte: SMS Cuité / IEC Cuité

    Arquivo do blog